Para noivas curiosas

23 de maio de 2011

Imagem: GettyImages

Pegando um gancho no post anterior, queria falar um pouquinho sobre algumas mensagens que recebemos pelo marcioetcris[arroba]gmail[ponto]com.

Vira e mexe a gente recebe emails de noivas curiosíssimas querendo saber o valor de cada detalhezinho do casamento. Na verdade, são perguntas mais específicas, do tipo "quanto você gastou com decoração?" ou "quanto vocês pagaram por pessoa no Zest?" ou "quanto de desconto a Estação São Paulo te deu?". E tem também as mais ousadas que querem saber o valor total da nossa festa "qual é o budget de vocês?".

No começo do blog e dos preparativos, eu costumava colocar os valores que nos eram passados, simplesmente para ter uma noção de cada item. Se for pensar, o que tem preço fixo mesmo é apenas o espaço, e mesmo assim dá para tentar negociar formas de pagamento.

Mas hoje em dia, se alguém me pergunta quanto gastamos com isso ou aquilo eu tenho um pouco de medo de responder. Primeiro porque é meio constrangedor, convenhamos, falar sobre quantias que têm mais de quatro dígitos. Eu pelo menos acho bem desagradável. Segundo porque os valores, na sua grande maioria, são do ano passado, e acho injusto com os fornecedores passar um valor desatualizado. E terceiro porque o número de convidados que temos certamente é diferente do seu e isso muda muitos números.

Não me sinto à vontade para dizer quanto gastamos de decoração, por exemplo, porque 10 convidados a mais são 01 mesa + 10 cadeiras + 01 arranjo floral de mesa + 10 sousplats + mão de obra a mais no orçamento. E dependendo da cadeira que você escolheu (sim, existem vários tipos de cadeiras) ou do tipo de sousplats (pelo menos 4 opções de valores) para uma determinada mesa, o orçamento final pode aumentar ou diminuir bastante. E isso vale para a maioria dos fornecedores, sabe: o aluguel de um vestido que pode ser o dobro de um outro modelo, um sabor a mais no bar de cairpirinhas, um docinho mais caro que os outros... já deu para sentir, nee?

E eu fico me perguntando - e perguntando para o Marcio - porque as pessoas preferem procurar a gente do que procurar o próprio fornecedor. Não seria mais simples e mais preciso? O máximo que pode acontecer é você receber um orçamento totalmente fora do que você esperava e ter uma parada cardíaca. Hahaha... brincadeirinha, viu, gente... não desejo isso para ninguém... se bem que a gente teve muitos sustos com orçamentos...

Mas é certo que os valores de todos os fornecedores - talvez o de espaços nem tanto - variam muito conforme algumas características do seu casamento:

- número de convidados (o valor por pessoa de um buffet pode variar se tiver 100 ou 300 convidados)
- mês do ano (dezembro é mais concorrido e mais caro)
- dia da semana (de sábado tudo é mais caro que de sexta ou domingo)
- local da cerimônia religiosa (o número ideal de integrantes do coral varia conforme o tamanho do local)
- onde vai ser a festa (na capital, no interior, no litoral, no espaço onde ele não é cadastrado)
- horário da festa (almoço, jantar, brunch)
- tipo de serviço do buffet (americano, francês, finger food)
- se o espaço dispões de móveis ou se eles são locados a parte
- etc. etc. etc.

Sem contar que ter uma assessora, aliás, ter a Eriquinha como assessora facilita em muitos momentos. Na negociação, na forma de pagamento, em descontos, em brindes - não é tudo ao mesmo tempo não, viu? Vai que aparece alguém querendo que assessora faça milagre, nee... Mas eu imagino que os fornecedores gostam mais de noivos com assessoria e acabam cedendo um pouquinho mais porque, mantendo um bom relacionamento com a assessora, cuidando bem dos noivos que ela traz, ela pode te indicar mais bons clientes. É uma relação de benefício mútuo. Faz sentido?

Fato é que nós adoramos todos os fornecedores que contratamos. Sem exceção. A última coisa que gostaríamos de fazer é prejudicá-los passando informações desatualizadas neste mundo tão dinâmico que é o mercado de casamentos. Os contatos estão nos posts e garanto que vocês serão muito bem atendidos. Se não forem também, por favor, avisem para a gente verificar o que está acontecendo - não gostamos de fornecedores ruins, lembram?

Agora, se for alguém que a gente não foi muito com a cara ou que não gostou do atendimento, certamente não aparecerá aqui ou a gente avisa que não gostou. Não se preocupem.

Bom, mas qualquer outro tipo de pergunta a gente responde na boa, viu?

Marcio: Quanto você tá pesando agora?

Cris: Isso não vale!!


Cris

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...