Green Day - Good Riddance (Time of Your Life)

23 de outubro de 2010


Pois então... estou escrevendo porque não quero ligar de novo para o Marcio para falar que estou  angustiada com algo que nem eu sei o que é...

Green Day não é bem um casamento hits, nee... aliás, nunca ouvi Green Day tocar em casamento, ainda mais se tem várias outras músicas deles que são mais animadas e felizes, não vai ser a melancólica Good Riddance (time of your life) que  vai conseguir um lugar no repertório...

Na verdade, eu já tinha escrito e programado o casamento hits, mas resolvi mudar de última hora, já que essa semana o Green Day esteve por aqui e eu acabei lembrando de um monte dessas coisas que a gente deixa guardado em algum lugar da memória - ou do coração, se for ficar mais bonitinho - e, quando a gente lembra, acaba trazendo junto uma enxurrada de sentimentos.

Eu conheci o Green Day por causa dessa música que um amigo me fez ouvir na época que foi lançada. Já disse várias vezes aqui que eu associo muito os sentidos, principalmente músicas e cheiros com pessoas, lugares e épocas. E vira e mexe eu falo que eu adoro ou odeio uma música simplesmente porque ela me lembra algo ou alguém.

No caso dessa música, eu me lembro de uma época da minha vida que me sentia completamente pedida. Acho que boa parte é por causa da letra que serviu como uma luva para o que eu estava sentindo quando a ouvia. E é tão engraçado prestar atenção na letra dela agora, mais de 10 anos depois, porque parece que eu entro num túnel do tempo e volto para aquela época. Ou eu sou uma pessoa bem sensível ou sou só mal resolvida...

Tá, realmente tem horas na nossa vida que temos que decidir qual caminho seguir, mesmo sem ter certeza do que estamos fazendo ou para onde estamos indo. Não tem como saber o que teria acontecido se nossas escolhas fossem diferentes: essa vai ser a sua verdade agora. Tudo bem, eu até concordo. E também concordo que, por isso mesmo, temos que aproveitar cada momento de nossas vidas e aprender com nossos erros e acertos. As coisas acontecem muito rápido e a vida passa num piscar de olhos, rapidinha, que nem a música. Mas acho que se a gente errar o caminho, pode voltar para a rua principal e tentar fazer outro melhor. Pode levar tempo, ser mais trabalhoso e fazer com que percamos muitas coisas importantes, mas deve valer mais a pena do que continuar perdido.

Another turning point
(Mais um momento decisivo)

a fork stuck in the road
(uma encruzilhada na estrada)

Time grabs you by the wrist
(O tempo te agarra pelo pulso)

directs you where to go
(te direciona para onde deve ir)

So make the best of this test
(então pegue o que tiver de melhor dessa prova)

and don't ask why
(e não pergunte porquê)

It's not a question
(isto não é uma questão)

but a lesson learned in time
(mas uma lição aprendida a tempo)

It's something unpredictable
(é algo imprevisível)

but in the end it's right
(mas no final está certo)

I hope you had the time of your life
(espero que você tenha tido o momento da sua vida)

É... é melhor voltar para a cama mesmo...


Cris

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...