Buffet Mansão Cidade Jardim

25 de março de 2010

Este também encontramos por causa de uma matéria no Guia Noivas e Debutantes da Editora OnLine. Apesar do nome, ele fica bem perto da outra ponte, a Eusébio Matoso, do ladinho do Rei das Batidas (até o Rei tem site!).

No site não aparece mas eles têm um salão novo que é menor, mais moderno e de aluguel mais caro que o outro que é mais antigo (clássico) e maior. A gente também não entendeu bem o porquê dos preços, até conhecer o espaço.


No Buffet Mansão Cidade Jardim, são dois salões distintos, com entradas separadas e cada um com um hall próprio. Eles estão lado a lado, separados por uma cozinha e um único corredor, que parecia ser apenas para funcionários, faz a ligação entre eles. O salão "clássico" é realmente maior e em estilo mais tradicional. Seu teto é baixo, tem um pequeno jardim de inverno no fundo, piso claro, espaço para pista, banheiros e comporta até 500 convidados. Já o salão "moderno" é menor mas tem um pé direito bem maior que dá a impressão que o salão todo é maior, apesar de ser indicado para até 350 convidados. Também tem um jardim de inverno no fundo, uma pequena "piscina" interna coberta com vidro, onde pode ser a pista de dança (?!) ou um altar.

O Marcio a-do-rou o salão moderno... ambos estavam decorados, mas esse salão moderno estava especialmente bonito, com decoração em tons de rosa pálido, vermelho escuro e verde. Lindo mesmo.

A Viviane, que é nutricionista do buffet e também nos atendeu, foi muito solicita, atenciosa e simpática em todos os contatos, tanto por eMail, telefone ou pessoalmente. Atendeu nossas dúvidas, montou opção de cardápios, verificou a possibilidade da estação de sushis e sashimis e até nos mostrou opção de como fazer a cerimônia no local. A Martinha (cerimonialista do local) também foi muito receptiva e nos sugeriu até a opção de alugar os dois salões para fazer a cerimônia em um e a recepção em outro, com possibilidade de desconto, no caso (essa palavra desconto é mágica!). Para domingos de 2011, os aluguéis do salão moderno e clássico são, respectivamente, R$6.000,00 e R$5.000,00.

Só uma coisa que nos incomodou: o buffet. Não é possível locar apenas o salão sem o serviço de buffet que é a partir de R$140,00 por pessoa. Tudo bem que só o valor já seria limitante, pois não podemos gastar esse valor por pessoa no buffet, mas não achamos legal não poder degustar o menu antes de fechar contrato, uma vez que o item "alimentação" é importante para nós. Hummm... é de se pensar, não?

Bom, o lugar é bem bonito e bem cuidado. O salão moderno tem paredes de tijolinhos lindas! E a gente viu decorado de forma muito bonita também. Só que fomos logo depois do almoço e estava um dia ensolarado... e daí? E daí que a gente começou a perceber que um casamento de dia precisa ser em um local aberto, no campo de preferência, com decoração lindíssiva, num espaço impecável.

Foi nesse momento (tcharararam!) que Marcio e Cris passaram a considerar como opção o casamento de sábado, de noite, na cidade, com igreja, recepção, pompa e circunstância!

... e o casamento bucólico, ó... já era...

Buffet Mansão Cidade Jardim
www.buffetcidadejardim.com.br
buffetcidjardim@uol.com.br

Rua Des. Armando Fairbanks 142/150
Cidade Universitária São Paulo SP
11.3818.5583

Contato: Viviane


Casamento de dia

24 de março de 2010

O Espaço Aragon é lindo lindo mas ficamos um pouco preocupados com a distância e com a estrada (Rodovia Raposo Tavares) para aqueles que vão ter que voltar dirigindo sem poder "aproveitar" a festa. Longe por longe, tem a Fazenda Vila Rica que é maravilhosamente perfeita como cenário de um casamento no campo, mas fica em Itatiba, 90km de São Paulo. Pensamos na possibilidade de casar de dia em algum lugar "verdinho" na cidade mesmo... mas e prá achar um lugar verdinho que caiba no nosso orçamento?

Os espaços verdes existem sim, aos montes como no site Guia Casamento no Campo que dá dicas para você fazer sua cerimônia lindinha de dia (ou de noite) no campo, com sugestão de espaços e buffets. Mas o "problema" desses lugares é que ou são meio longe do centro da cidade de São Paulo (longe = muitos quilômetros ainda para fora do circuito das marginas do Pinheiros e do Tietê) ou são adaptações de espaços para ficarem com cara de campo. Com cara de artificial, sabe?

E também corremos sempre o risco de chover... imagina a meleca que seria um casamento no campo na chuva? Tudo bem que julho não costuma chover tanto, que dá prá colocar um toldo, mas vai estar um frio no meio do mato... brrrr... e se chover mesmo assim? Frio + chuva = caos.

Tá bom. Não precisa ser um casamento no campo então, mas poderia ter uma opção de casamento de dia, na cidade, com a cerimônia e a recepção no mesmo local. Um ponto que nos preocupa é o trabalho que os convidados terão com deslocamento e valet no caso de ter igreja e recepção separados no caso de fazer tudo na cidade.

Ah... mas São Paulo é São Paulo mesmo: tem de tudo! É claro que tem o lugar perfeito para fazer a cerimônia religiosa e a recepção juntos, de dia, com muito verde sem sair do perímetro urbano. Logo aí, no Morumbi mesmo tem o Contemporâneo 8076. Lindo, enorme, espaçoso, sem vínculo de buffet esclusivo... perfeito? Sim. Caro? Sim. R$22.865,00 por um domingo. Ah, mas esse não é o mais caro não: o vencedor do ranking é o La Luna Club no Butantã de R$27.455,00 e logo atrás vem o Espaço do Bosque por R$25.000,00 na Lapa. Tem ainda um vizinho mais "humilde" em Pinheiros, o Espaço Gardens por R$19.5000,00, que é lindo lindo lindo. Ah sim, todos vem peladinhos (sem móveis, sem cadeiras, sem mesas, sem gerador, nadinha nadinha), excetuando-se alguns itens que vem de "cortesia" caso você feche com um deles.

Assim, só prá confirmar, quem foi mesmo que disse que era mais barato casar de dia?! Acho que esqueceram de contar os detalhes da brincadeira...

Araguari Espaço&Eventos

23 de março de 2010

A Cris foi muito esperançosa conhecer o Araguari Espaço&Eventos. O atendimento por eMail da Vania foi super simpático, as fotos do site eram muito bonitas, a localização ótima, preço razoável (R$16.000,00), enfim, tinha tudo para ser o escolhido da Categoria Espaço para eventos.

Fomos lá num sábado de manhã, dia em que o local estava sendo preparado para a recepção de um casamento no almoço. Diferente, nee? Os noivos casariam de manhã na igreja e fariam uma recepção/almoço no local logo em seguida. Não cogitamos casar de manhã, muito menos na igreja, mas achei uma opção bem bacana, apesar de achar que não conbinaria com a gente, nem com nossos convidados.

Pelas fotos e pela explicação do site é um pouquinho difícil de entender (pelo menos a gente não entendeu), mas vou tentar falar do meu jeito: é uma casa grande de esquina; na entrada há duas escadas, uma que vai para baixo, no jardim e outra para cima, que entra na casa; no jardim há um loungezinho e uma outra entrada para o andar inferior da casa onde fica um salão; voltando para a entrada principal, quando se sobe as escadas para a casa, há um salão grande onde pode se montar mesas, lounges e pista de dança; subindo mais um andar há uma sala para os noivos e outras salas de reuniões; subindo mais um andar, um terraço coberto.

Ufa!

Realmente, é preciso ir ao local para entender como ele é. No dia, apesar da correria das pessoas com os preparativos, a Carine foi super atenciosa (muito muito mesmo!) e nos mostrou espaço todinho, explicando cada detalhe do funcionamento e as milhares de opções de utilização do local. Ele tem uma proposta diferente, talvez um pouco moderna para o que havíamos imaginado. A recepção (buffet) seria no salão inferior e a pista de dança no salão de cima, juntamente com lounges e mesa de doces. Os noivos ainda tem a opção de fazer a cerimônia no local, no salão de baixo onde já tem um altarzinho de pedra e, enquanto é servido um coquetel para os convidados no salão de cima, o salão inferior é montado para o jantar.

O Araguari tem um clima bem intimista apesar de comportar muitas pessoas (250 deve ser um número bem bom). A iluminação, a construção em madeira escura e pedras, o jardim, é tudo muito bonito. Mas, como já dissemos, talvez moderno demais para Marcio e Cris e seus convidados importados do Japão e na melhor idade (haja eufemismos!).

Pontos para pensar:

- não queríamos "separar" nossa festa em ambientes;
- o salão inferior ficaria meio cheinho com nossos convidados;
- eles não tem vínculos com buffet nem outros fornecedores.

É... não deixa de ser uma possibilidade, mas o tchan não foi dessa vez também...

Araguari Espaço & Eventos
www.araguarieventos.com.br
araguari@araguarieventos.com.br

Rua Prof. Arthur Ramos, 593
Jardim Europa São Paulo SP
11.3032.1717

Contato: Vania

Espaço Aragon

22 de março de 2010
Área reservada para a cerimônia do Espaço Aragon

Quem foi que disse mesmo que casar de dia era mais barato, mais simples, mais bonito...? Pois é... a gente achou que seria tudo isso e que todo mundo iria adorar a idéia mas, quando fomos visitar o primeiro finalista para o espaço do nosso casamento, as coisas já começaram a mudar.

Fomos conhecer o Espaço Aragon, na Granja Viana, em um sábado de manhã ensolarado. Iria ter um "workshop de noivos" com a presença de alguns fornecedores, bebidinhas e comidinhas. Comemos alguns canapés, vários docinhos, conversamos com uma equipe de foto, com uma pessoa de um buffet, com a cerimonialista Cris (nome bonito, não?) do local e com a Silvana que era nosso "contato eletrônico" (vulgo vendedora). Todo mundo muito simpático e atencioso, mesmo com vários outros casais zanzando pelo local.

Haviamos visto uma matéria no Guia Noivas e Debutantes da Editora OnLine que mostrava como aconteceu um casamento "estilo provençal" no local e ficamos bem interessados. Já disse que a gente gosta da Provence mesmo nunca estado lá? Outro dia a gente fala mais sobre isso... Voltando ao Aragon, o lugar é bem bonito, tranquilo, arborizado. Logo na entrada tem tipo uma capelinha (tem formato de capelinha mas as portas estavam fechadas e não pudemos ver o interior), e em frente um campo aberto onde foi montado o altar, as cadeiras e o caminho. Ao lado tem uma varanda onde ficam as mesas, lounges e dentro da casa a pista de dança e mesa de docinhos. Ah sim, o banheiro que a gente achou é no segundo andar, subindo umas escadas.

Locação do espaço "pelado" (sem mobília, mesas, cadeiras, sofás, nada) sai por R$9.900,00 de domingo e R$12.900,00 de sábado (tabela 2010). No dia que fomos, a festa teria 250 convidados mas parece que o local aceita até 350 (sem os lounges no caso). Fica a 30 km do centro de São Paulo que a gente fez em pouco menos que uma hora.

Cenário perfeito para um casamento de dia ao ar livre. Realmente não há o que reclamar.

O fotografo que estava lá disse uma coisa bem legal que a gente fica lembrando toda hora nessa fase de escolhas: "se os noivos não sentirem aquele tchan não adianta insistir".

Hummm... fica como segunda opção mesmo que a gente não tenha encontrado a primeira...

Espaço Aragon
www.aragonsp.com.br
aragonsp@aragonsp.com.br

Rua José Felix de Oliveira, 267
Granja Viana São Paulo SP
11.4702.2010 / 11.4612.9536

Contato: Silvana



UPDATE: Fomos convidados a um casamento no Aragon aqui!

Critérios para a escolha dos fornecedores

21 de março de 2010

Marcio e Cris são naturalmente indecisos. Talvez perfeccionistas seja uma palavra melhor porque, na verdade, eles só demoram bastante para decidir, poderam muito os prós e contras mas, uma vez decidido, raramente mudam de idéia; por isso, é melhor mesmo pensar bastante antes de bater o martelo quando o evento é tão importante e envolve tantas pessoas.

Para o casamento, optaram por ter alguns critérios para a escolha dos fornecedores:

- elejer pelo menos três de cada categoria a cada vez;
- caso não haja um escolhido entre esses, elejer mais três;
- não ultrapassar o orçamento jamais;
- tentar barganhar descontos (precisamos fazer um curso urgente!).

Espero que funcione!

Quando vai ser a festa?

20 de março de 2010

Pode-se casar quando você quiser: de manhã, na hora do almoço, de tardezinha, de noite, etc. Mas, em São Paulo, 9 em cada 10 casamentos são de noite e tem festa depois (fonte: CEIC - Central de Estatísticas da Imaginação da Cris). Dos 167895435679 casamentos que fomos nesses últimos 5 anos, apenas 3 foram de dia. Os que tinham vestido de noiva, marcha nupcial e baladinha, de domingo.

Marcio e Cris são criaturas completamente diurnas: acordam cedo e dormem cedo, com as galinhas. A Cris então, antes mesmo das galinhas colocarem os pijamas já está no seu terceiro sono. Quando há algum casamento, é claro que queremos asistir a cerimônia religiosa, brindar com os noivos e cair na balada... mas quem disse que eles aguentam?! Quando liberam a mesa de doces, os dois já emendam a mesa do café, pegam os bem-casados e felicidades aos noivos! Só esses dias cobriram como termina um casamento porque é bom saber essas coisas quando se decide casar e dar uma festa.

Por esses motivos e outros, a primeira opção dos dois: casar de dia.

Casar de dia

Prós:
- Pode ser mais informal
- Pode levar as crianças, vovôs e vovós
- Pode ter decoração mais simples que vai estar bonito do mesmo jeito
- Pode tirar fotos bem bonitas sem flash

Contras:
- Tem que ser de domingo porque tem gente que trabalho meio-período no sábado
- Tem que ser da hora do almoço em diante porque mulheres precisam se arrumar (e acordar madrugada de domingo a procura de um salão aberto é cansativo só de pensar)
- Tem que ser ao ar livre, ou pelo menos com luz natural, se não perde o sentido de casar de dia
- Tem que ser num lugar muito bonito, perfeito, porque à luz do dia se enxerga tudo melhor
- Tem que fazer sol mas não pode estar muito quente

Casar de manhã ou de tardezinha

Prós
- Brunch com pãezinhos, bolinhos e champanhe é tudo de bom
- Pais e crianças aproveitam
- Vovôs e vovós aproveitam também
- As fotos ficam bem bonitas

Contras
- Ninguém sabe quando ir embora
- Difícil encontrar igreja que celebre casamento no horário
- Difícil encontrar lugar BBB (Bom Bonito e Barato) na cidade

Casar de noite

Prós
- Os baladeiros se divertem mais
- Pode usar mais maquiagem e brilhos (tem gente que gosta, ué)
- O cardápio de comida&bebidas é mais elaborado
- Uma boa decoração consegue mascarar qualquer lugar
- Tem mais glamour

Contras
- Senhorzinhos e senhorinhas vão embora mais cedo
- Amigos com crianças pequenas vão mais cedo também (isso se vierem)
- Vai ter que ter "a" balada
- Paga-se por horas além do contratado

(Lembrando que esses foram os prós e contram que nós encontramos e consideramos relevantes para a nossa escolha.)

Considerando também que o aniversário de namoro cai num domingo em 2011 e que os dois tem uma "quedinha" pelo bucólico, só precisávamos achar o local perfeito para realizar nosso casamento de dia no campo!

Ahan... simples assim...

Pasta Casamento

17 de março de 2010

Marcio e Cris vão se casar!


E, como dois bons obsessivos, precisam de um lugar para deixar todas as informações que encontrarem sobre o assunto "casamento" para poder ver, rever e escolher as melhores opções para fazer um casamento com a cara deles.

Então...vão ter um blog!


Sejam todos muito bem-vindos!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...